Abr 17

Novas sirenes foram introduzidas em Nova Friburgo

Todo dia 10 as sirenes tocam em Nova Friburgo, uma maneira de deixar os moradores alertas para casos de desastres e ocorrências no município. Agora eles vão tocar em mais 5 comunidades como é o caso da Ponte da Saudade. Segundo a Defesa Civil, Nova Friburgo é hoje uma referência em termos de sirenes. O município conta com 35 aparelhos instalados em 20 comunidades. Segundo o coronel todo dia 10 as 10 horas da manhã, as sirenes são acionadas. E isso não deve ser confundido com o treinamento, é apenas um teste. Esse mês foi instalada a sirene na Ponte da Saudade. Zé Roberto é presidente da Associação de Moradores do bairro e agradece em nome da comunidade.

Abr 17

Zona de Estacionamento Rotativo

Estacionar: o desafio diário de todos os motoristas pela cidade. E a dúvida é se está ou não sendo feita a fiscalização. A Zona de Estacionamento Rotativo, o ZERO, em Nova Friburgo previa o aumento da fluidez das vagas na cidade. Mas desde a sua implementação em 2009, tem dividido opiniões e causado dúvidas na população. E o consumidor tem encontrado dificuldades para adquirir o cartão, estacionar, e discutido a funcionalidade do projeto. Em 1998, foi publicada a lei complementar nº 10, que criava a Autarquia Municipal de Trânsito – a AUTRAN, e em seu artigo 8º autorizava o município “a cobrar, implantar, manter e operar o sistema de estacionamento rotativo”. 50% desse recurso iria para as entidades subvencionadas pela prefeitura. E se a pergunta frequente é sobre a legalidade do zero, de acordo com o vereador Pierre a resposta é não. O vereador afirma ainda que os motoristas que sofreram multa ou reboque no ano passado devido a falta de utilização do cartão do zero, podem recorrer. O intuito de explicar todos estes questionamentos, um novo projeto de lei já foi elaborado, e desde o dia 10 de Novembro está em discussão na Câmara Municipal. Segundo a Secretaria de Ordem Urbana o Estacionamento Rotativo funciona entre ás sete da manhã e sete da noite, de Segunda-feira a Sábado. Nos Domingos e feriados, o ZERO não é cobrado. Os postos de venda são identificados com banners, que especificam o valor e o tempo de cada folheto. A não colocação do cartão no vidro, sua rasura ou o seu preenchimento a lápis gerará auto de infração e a possibilidade de reboque do veículo. Outras informações sobre a Zona de Estacionamento Rotativo podem ser obtidas pelo telefone 2526-9262. 

Abr 17

Comissão da Saúde apresenta primeiros resultados

Quase trinta dias de investigação da Comissão Especial de Saúde na Câmara Municipal, e entre os membros o consenso é de descaso. Segundo o levantamento feito, faltam itens básicos e as condições de trabalho são insalubres. O vereador Christiano Huguenin já antecipou que o relatório será entregue antes do prazo e frizou que muita vistorias foram feitas chegando a conclusão que um dos principais problemas na saúde é gestão.

Entre os pontos apresentados na tarde de hoje os vereadores afirmaram que estão fazendo requerimentos de informações e vão levar ao prefeito. Não é o momento de apresentar os fatos para não atrapalhar a instalação da CPI. O vereador Eder Carpi reafirmou que o compromisso é com o cidadão.

Surpreendeu os presentes uma das propostas da comissão, de que os vereadores doem no próximo mês os salários, o que daria um montante de 105 mil reais. Outra questão foi a possibilidade da instalação de duas CPIs ao invés de uma. Para o vereador Cláudio Damião, que deve apresentar no próximo dia 30 o requerimento da primeira CPI, o momento não é este. A instalação de uma segunda CPI atrapalharia o funcionamento da primeira.

Abr 16

Casos de dengue em Nova Fiburgo

CASOS DE DENGUE NA CIDADENos últimos 13 anos Nova Friburgo apresentou altos índices de infestação pelo mosquito transmissor da dengue. Apenas em 2005 esse número foi considerado aceitável pela Organização Mundial de Saúde. Segundo a OMS, lugares com mais de 300 casos da doença por 100 mil habitantes são considerados em situação de epidemia. O Rio de Janeiro é o quinto estado com maior número da doença. Entre Janeiro e Março foram registrados 12 mil, 207 casos suspeitos, com 4 mortes. No mesmo período do ano passado foram mais de 3 mil casos, com apenas 2 mortes. Para evitar a proliferação do mosquito, a população deve evitar deixar água parada e exposta.

Artigos mais antigos «